Naomi Osaka, ex-número 1 do mundo e vencedora de quatro Grand Slams, poderá disputar o torneio de tênis dos Jogos Olímpicos de Paris, que será realizado de 27 de julho a 4 de agosto nas quadras de Roland Garros, anunciou a Federação Japonesa de Tênis nesta quinta-feira (13).

“Adoraria jogar, se me autorizassem para isso”, declarou Osaka em meados de abril, em Tóquio, durante rodada da Billie Jean King Cup.

A jogadora de 26 anos acendeu a pira olímpica na cerimônia de abertura dos Jogos de Tóquio em 2021, onde foi eliminada na terceira rodada.

No final de 2022, se afastou do circuito por 15 meses, período em que se tornou mãe, antes de voltar a competir em janeiro deste ano.

Osaka, que então caiu para a 800ª posição no ranking da WTA, agora é a número 125 do mundo.

Apesar de disso, a Federação Internacional de Tênis deu a autorização para participar os Jogos Olímpicos graças ao “ranking protegido”, que beneficia tenistas que se afastaram do circuito por motivos diversos, e em sua qualidade de campeã de Grand Slam.

amk/chc/iga/mcd/cb