ISTOÉ Gente

‘Não tolero quem ‘respeita’ o ódio’, declara Monica Martelli sobre homofobia

‘Não tolero quem ‘respeita’ o ódio’, declara Monica Martelli sobre homofobia

MÔNICA MARTELLI “Meu irmão, te amo e pra sempre vou te amar. Você foi muito bravo e agora pode descansar. Vamos lembrar de você sempre assim, fazendo o Brasil gargalhar”


Monica Martelli se pronunciou sobre o vídeo do pastor Cláudio Duarte. Nele, o religioso falava sobre ser contra a união de pessoas do mesmo gênero, mas “respeitar” a escolha do público LGBTQIA+. Infelizmente, o vídeo ganhou muita visibilidade na última semana após ser repercutido por Rafa Kalimann e Caio Castro e, por isso, muitos internautas e famosos rebateram as declarações do pastor.

Filha de Fátima Bernardes e William Bonner exibe boa forma em clique de biquíni

Para deixar bem claro que a fala de Cláudio é homofóbica e a de todos que concordam com ele também, Monica Martelli compartilhou uma foto em sua conta do Instagram segurando um cartaz com os dizeres: “Preconceito não é opinião. Não tolero quem ‘respeita’ o ódio”. Ela aproveitou também o espaço da legenda para fazer um texto sobre o assunto.

“Você consegue imaginar como pode ser um pesadelo alguém te direcionar ódio e violência apenas por você estar sendo quem é? Muitas pessoas não precisam imaginar, porque elas estão sofrendo isso na pele, na vida real, no dia a dia”, começou a atriz. “Estamos no mês da diversidade, e como é triste ver pessoas usando seus espaços na tv e mídia para relativizar o preconceito. Pra passar a mão na cabeça de quem está cometendo um crime (LGBTQIA+fobia é crime) como se fosse apenas uma opinião. Sem essa de conflito de gerações porque todo mundo aprendeu a respeitar os outros, então respeite”, continuou.

“Qual seu livro preferido?’ Isso é uma pergunta de opinião. Querer decidir que homem não pode se apaixonar por homem, mulher por mulher, que uma pessoa não pode fazer transição de gênero; ofender, humilhar, agredir alguém por sua orientação sexual ou qualquer outro motivo que não seja da sua conta, isso é preconceito. Isso é LGBTQIA+fobia e não pode mais ser tolerada”, disse. “Preconceito não é opinião. De uma vez por todas. Não podemos respeitar quem não respeita o amor, quem escolhe odiar. Temos todas as informações possíveis à palma da nossa mão. Em um clique você pode aprender sobre qualquer coisa, inclusive como ser mais humano”, finalizou a artista.

Confira a publicação completa de Monica:

Instagram will load in the frontend.

Veja também
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+Deolane Bezerra, viúva de MC Kevin, revela que fez cirurgia na vagina
+ Vídeos mostram pessoas preparando saladas com Cheetos no TikTok
+ Instituto Gabriel Medina fecha portas em Maresias
+ Mãe encontra filho de 2 anos morto com bilhete ao lado ao chegar em casa
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago