ISTOÉ Gente

“Não me chame de Barbie”, diz Marina Ruy Barbosa após tuíte sobre Bolsonaro

Crédito: Reprodução/Instagram

Marina Ruy Barbosa usou as redes sociais para se posicionar sobre o novo governo do Brasil. A atriz aconselhou seus seguidores a desejarem e torcerem por “um país melhor”. Mas a mensagem não foi bem aceita por seus seguidores. Marina chegou a ser chamada de “Barbie” e alguns seguidores argumentaram que ela tem uma “vida privilegiada, longe da realidade da maioria dos brasileiros”.

“Nós temos que desejar e torcer sempre por um país melhor, independente de quem esteja governando. Vamos aguardar os próximos capítulos”, escreveu Marina no Twitter. “Torcer por um racista, machista e homofóbico? Não, obrigada, Barbie”, respondeu um seguidor. Na sequência, Marina rebateu o comentário. “Não é torcer pelo presidente, é torcer pelo país… e não me chame de Barbie”, escreveu.

Por fim, Marina Ruy Barbosa ainda foi chamada de “bolsominion”. Atualmente, a atriz é protagonista da novela ‘O Sétimo Guardião’, da TV Globo.

Confira o tuíte da atriz abaixo:

Reprodução/Twitter