ISTOÉ Gente

Nakamura comenta falta de convites para novelas e desabafa: “Não vejo orientais”

Crédito: Reprodução/Instagram

Ex-bailarina e repórter do ‘Domingão do Faustão’, Carol Nakamura resolveu se aventurar na carreira de atriz em 2016. Desde então, trabalhou apenas na novela ‘Sol Nascente’ e rodou o país com a peça ‘Até que a Internet nos Separe’, além de gravar a série de comédia ‘Mal Me Quer’, produzida pela Warner.

Em entrevista ao UOL, Nakamura comentou sobre a falta de oportunidades. Ela acredita que os poucos convites para novelas esteja relacionada com sua ascendência oriental.

“Quando saí do Faustão, saí para gravar novela e as oportunidades para atrizes são poucas, principalmente eu que tenho um perfil oriental. Não gosto da palavra preconceito porque acho muito forte, prefiro nem usar, mas acho que existe uma certa dificuldade”, disse.

“O Brasil ainda encara oriental na televisão como aquele Japão de antigamente, precisa ter um núcleo oriental. Hoje em dia não é assim, se você pegar Netflix, qualquer TV fechada, você vai ver que tem protagonista oriental”, completou.

Ainda na entrevista, Nakamura, que deu vida a Hiromi em ‘Sol Nascente’, não descarta outros trabalhos na TV, como de apresentadora, por exemplo. Apesar disso, ela pretende seguir e se destacar como atriz.

“Estou aberta para oportunidades, mas a minha prioridade da vida é ser atriz porque me descobri. É o lugar onde me sinto bem, onde deixei tudo para viver. Eu ligo a TV hoje e não vejo orientais. Quero ser uma atriz oriental, quero ser essa voz”, finalizou.