Ediçao Da Semana

Nº 2741 - 05/08/22 Leia mais

Em busca do career slam, nome dado quando um tenista conquista os quatro majors no mesmo ano, Rafael Nadal avançou à terceira rodada de Wimbledon ao vencer o lituano Ricardas Berankis por 3 sets a 1, com parciais de 6/4, 6/4, 4/6 e 6/3, em 3 horas de partida.

+ Com aval de Mbappé, PSG comunica que não conta mais com Neymar no elenco, diz jornal
+ Morre apresentadora que emocionou mundo com despedida ao descobrir câncer
+ Tudo o que você precisa saber para fazer o feijão perfeito

O próximo desafio do espanhol será diante do italiano Lorenzo Sonego, 54º do ranking, que também entrou em quadra nesta quinta-feira e derrotou o francês Hugo Gaston por 3 sets a 0, parciais de 7/6, 6/4 e 6/4. Campeão de Roland Garros e do Australian Open, Nadal aparece como o principal candidato ao título em Wimbledon.

“Eu não joguei muito na grama nos últimos três anos, então todo dia é uma oportunidade para seguir evoluindo. O quarto set foi bem melhor, meu saque funcionou mais e joguei mais agressivo”, comentou Nadal em entrevista ainda na quadra.

O espanhol foi superior a Berankis no primeiro set, mas o lituano vendeu caro a derrota, que só aconteceu após ele dar dois set points para Nadal fechar por 6/4. No segundo set, Berankis começou melhor, mas viu Nadal equilibrar as ações e quebrar um serviço no game final para vencer, novamente, por 6/4.

O lituano, no entanto, fez um excelente terceiro set e obrigou Nadal a cometer inúmeros erros para se colocar novamente na briga. O resultado deixou o espanhol mordido, que chegou a abrir 3/0. No entanto, o jogo chegou a ser suspenso por causa da chuva até que o teto retrátil fosse fechado. Quando a partida voltou, Berankis reagiu e chegou a ameaçar o triunfo de Nadal, que respondeu rápido e confirmou os seus serviços para garantir a classificação.

TSTSIPAS AVANÇA

Mais cedo, a grama inglesa recebeu outro integrante do top 5 da ATP. O grego Stefanos Tsitsipas foi dominante contra o australiano Jordan Thompson e venceu por 3 sets a 0, com parciais de 6/2, 6/3 e 7/5. O adversário dele será o também australiano Nick Kyrgios, que venceu o sérvio Filip Krajinovic com tranquilidade, por 6/2, 6/3 e 6/1

Já o norte-americano Taylor Fritz passou pelo britânico Alastair Gray e terá pela frente Alex Molcan, da Eslováquia. O canadense Denis Shapovalov, por sua vez, foi eliminado pelo americano Brandon Nakashima.