Esportes

Mulheres precisam redobrar atenção com os joelhos

Diferenças metabólicas e fatores hormonais aumentam predisposição a lesões do cruzado 

Mulheres precisam redobrar atenção com os joelhos

As mulheres são naturalmente mais propensas a apresentarem lesões no joelho em comparação aos homens. Entre as atletas profissionais, a probabilidade de lesões do ligamento cruzado anterior (LCA), por exemplo, é de 1,5 a 2 vezes maior em relação aos atletas do sexo masculino, mas o número pode ser até 8 vezes a mais em esportes específicos, como a corrida.

As explicações para essa predisposição maior passam por questões anatômicas, neuromusculares, diferenças metabólicas e fatores hormonais relacionados ao ciclo menstrual. Sendo assim, as mulheres que estão retomando as atividades físicas, após um longo período de quarentena, precisam redobrar os cuidados.

– O formato do joelho da mulher com um espaço mais estreito para os ligamentos, e o quadril mais largo, são fatores que facilitam entorses. O tempo de resposta muscular da mulher em relação ao homem também é diferente. Ao voltar aos treinos é preciso tomar muito cuidado, pois após um tempo parada é preciso considerar o desequilíbrio muscular – alerta o médico ortopedista Pedro Baches Jorge, especialista em Cirurgia do Joelho e Medicina Esportiva.

Confira as dicas de cuidados do especialista para evitar futuras lesões:


+ Atleta de Jiu Jitsu morre aos 30 anos de Covid 15 dias após perder o pai pela doença
+ Após ameaças, soldada da PM denuncia coronel por assédio sexual
+ Mulher morre após ingerir bebida alcoólica e comer 2 ovos



– Faça aquecimento antes e depois da atividade física. Além de contribuir para uma melhor performance, o aquecimento da musculatura diminui a probabilidade de lesões;

– Mantenha uma dieta equilibrada e compatível com a atividade;

– Retome o programa de exercícios gradualmente. Permita que seu corpo se ajuste aos poucos à retomada das atividades;

– Procure eliminar o peso adquirido durante o isolamento. A saúde do joelho está diretamente relacionada ao peso do corpo. Portanto, é fundamental não sobrecarregá-lo com excesso de peso;

– Busque exercícios que aumentem a estabilidade do “core” e que forneçam agilidade, flexibilidade e equilíbrio, além de fortalecer glúteos e coxas;

– Conte com orientação de um profissional para os treinos.

Veja também

+ Tenha também a Istoé no Google Notícias
+ Canadá anuncia primeira morte de pessoa vacinada com AstraZeneca no país
+ Yasmin Brunet comemora vitória de Gabriel Medina
+ Decifrado código dos Manuscritos do Mar Morto
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Receita de moqueca de peixe simples e deliciosa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS