Ediçao Da Semana

Nº 2742 - 12/08/22 Leia mais

Maria Célia Lima de Souza, 58 anos, é acusada de participação em um assassinato em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, em 2002, e foi presa nesse sábado (15) por policiais militares da Superintendência de Inteligência e Análise em ação conjunta com a Polinter. As informações são do Extra.

Segundo as investigações, o crime ocorreu após um desentendimento causado por uma dívida de 100 reais do filho de Maria Célia com a Alexandra Muniz, esposa de Denizio Bispo dos Santos. Maria Célia teria ido até a casa de Denizio alegando querer conversar com a vítima.

De acordo com o relato de Alexandra, Maria Célia e Denizio se afastaram de casa para conversar. Nesse momento, ela viu cinco homens se aproximaram, e, em seguida, ouviu um tiro. Ao se aproximar, Alexandra encontrou o marido morto. A viúva afirmou ter visto Maria Célia fugir do local.

Em 2012, Maria Célia foi denunciada pelo crime de homicídio duplamente qualificado e teve a prisão preventiva decretada pela Justiça. Segundo as investigações, Maria Célia se mudou para o Morro do Andaraí, na zona norte do Rio, após o crime, e passou a ser monitorada recentemente.