Geral

MT: Pai e estudante que atirou na amiga treinam tiro esportivo há 3 anos

Crédito: Reprodução Instagram

Isabele Guimarães Ramos (Crédito: Reprodução Instagram)

A adolescente de 14 anos que teria atirado acidentalmente e matado a própria amiga, em Cuiabá, é praticante de tiro esportivo há pelo menos três anos. De acordo com a Federação de Tiro de Mato Grosso (FTMT), o pai dela, Marcelo Martins Cestari, de 46 anos, também pratica o esporte. As informações são do G1.

No domingo (12), Isabele Guimarães Ramos, também de 14 anos, foi atingida por um tiro na cabeça no condomínio de luxo onde ela morava. Uma ambulância foi acionada para socorrer a jovem, mas quando os profissionais chegaram Isabele já estava morta no banheiro da residência.

Segundo a federação, o pai e a menina participavam das aulas e de campeonatos há três anos. Eles faziam parte de grupos chamados ‘squads’ e participavam das competições da FTMT. Outros membros da família também participavam desses grupos.

De acordo com a polícia, no local do incidente, foram encontradas sete armas de fogo, que pertencem ao pai da jovem que atirou. O homem foi autuado em flagrante e preso por porte ilegal de arma já que duas das armas não tinham o registro no local.

+ Consulado chinês nos EUA é fechado e provoca nova crise
+ As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

Veja também

+ Funcionário do Burger King é morto por causa de demora em pedido

+ Seu cabelo revela o que você come (e seu nível socioeconômico)

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Bolsonaro veta indenização a profissionais de saúde incapacitados pela covid-19

+ Nascidos em maio recebem a 4ª parcela do auxílio na quarta-feira (05)

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?