Geral

MP pede investigação depois de aluna relatar assédio em curso de formação da PM

Crédito: Pixabay

Imagem ilustrativa (Crédito: Pixabay)


O Ministério Público do Pará pediu para que um caso relatado por uma aluna do curso de formação de oficiais da Polícia Militar do Pará seja investigado. De acordo com a vítima, ela sofreu humilhações e assédios por parte de oficiais superiores.

Segundo informações do G1, os relatos são de assédio, tortura psicológica e abuso de autoridade durante o curso ministrado na Academia de Polícia Militar Coronel Fontoura. Ela funciona no Instituto de Ensino de Segurança do Pará (Iesp), em Marituba, região metropolitana de Belém.

Por meio de nota, a Promotoria de Justiça Militar disse que o promotor Armando Brasil pediu à Corregedoria da PM a instauração de inquérito policial militar. Além disso, foi afirmado que o Ministério Público do Estado deve acompanhar a apuração do caso.


Saiba mais
+ Morre a atriz Noemi Gerbelli, a diretora Olívia da novela 'Carrossel', aos 68 anos
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais