Economia

Movimentação de granel líquido é destaque no crescimento em 2020, diz Antaq


A movimentação portuária de granel líquido em 2020 foi o grande destaque de crescimento nos números do setor no ano passado, uma alta de 14,8% ante 2019, com 289,5 milhões de toneladas. O dado foi divulgado nesta segunda-feira pela Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq). No total, o setor cresceu 4,2%. Entre os números estratificados, a segunda maior alta de movimentação foi registrada no granel sólido, com 688,9 milhões de toneladas e 1,2% de crescimento.

Em seguida vem a área de contêineres, cuja movimentação foi de 118,2 milhões de toneladas, uma alta de 1,1%. Já o volume de carga geral solta retraiu no ano passado 0,3%, com 54,2 milhões de toneladas movimentadas.

Portos públicos

Os três portos organizados com maior movimentação em 2020 repetiram a colocação de 2019. No Porto de Santos, com 114,4 milhões de toneladas, houve um crescimento de 7,7% na movimentação. Em seguida vem Paranaguá, com 52,1 milhões de toneladas movimentadas e alta de 7,5%, e o Porto de Itaguaí, que cresceu 5,9% em carga movimentada (45,7 milhões de toneladas).

Entre os terminais privados, o primeiro lugar foi para o Terminal Marítimo de Ponta da Madeira, com 191 milhões de toneladas movimentadas, seguido pelo Terminal Aquaviário de Angra dos Reis (60 milhões de toneladas) e pelo Terminal de Tubarão (56 milhões de toneladas).

Veja também
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ ‘Transo 15 vezes na semana’, diz Eduardo Costa ao revelar tratamento por vício em sexo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago