O Ministério da Defesa da Rússia afirmou neste domingo que Washington tem “responsabilidade” por um bombardeio que deixou vários mortos na Crimeia, península ucraniana anexada por Moscou, porque mísseis mísseis americanos foram utilizados no ataque.

“A responsabilidade do bombardeio deliberado com mísseis contra os civis em Sebastopol recai principalmente em Washington, que forneceu estas armas à Ucrânia”, mas também às autoridades de Kiev, afirmou o ministério em um comunicado.

bur/an/pc/fp