ISTOÉ Gente

Morre o sambista Nelson Sargento, aos 96 anos, vítima da Covid-19

Crédito: Edinho Alves/Divulgação

O sambista Nelson Sargento, de 96 anos, morreu na manhã desta quinta-feira (27). Ele estava internado com Covid-19 no Instituto Nacional do Câncer. A assessoria do sambista confirmou ao Estado de S. Paulo que a morte do sambista ocorreu às 10h45. Sargento foi um dos primeiros cariocas a tomar a vacina contra a Covid-19.

Sargento foi internado no último sábado (22), e foi transferido para a UTI após mostrar agravamento no quadro respiratório. O artista chegou a ser intubado com autorização da família. Além disso, Nelson Sargento tratava de um câncer desde 2005, quando descobriu um tumor na próstata.

Veja também
+Deolane Bezerra, viúva de MC Kevin, revela que fez cirurgia na vagina
+ Vídeos mostram pessoas preparando saladas com Cheetos no TikTok
+ Mulher e filho de Schumacher falam sobre saúde do ex-piloto
+ Carvão “gourmet” que não suja as mãos vira meme nas rede sociais; ouça
+ Mãe encontra filho de 2 anos morto com bilhete ao lado ao chegar em casa
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago