ISTOÉ Gente

Morre Geno Hayes, ex-NFL, à espera de transplante de fígado

Crédito: Reprodução/Instagram

Geno Hayes morreu aos 33 anos de idade esperando um transplante de fígado. O ex-jogador da NFL teve que abandonar a carreira esportiva por causa da doença hepática, que foi a causa de sua morte. Geno passou por times como Tampa Bay Buccaneers, Chicago Beers e Florida State.

‘Não estávamos correndo risco’, declara Nati Casassola sobre festa clandestina com Henri Castelli

Juju Salimeni elimina 10 kg e mostra antes e depois no Instagram

Na época em que descobriu o problema, Geno contou à ESPN que o primeiro diagnóstico foi de cirrose alcoólica. Ele acreditava que o motivo do problema era a combinação do histórico familiar com uso de medicamentos para dor sem supervisão.

“O primeiro diagnóstico que me deram foi cirrose alcoólica. Mas quando cavamos mais fundo, tornou-se apenas uma doença hepática crônica, porque eu não bebo assim. Se eu bebesse, era como vinho ou algo assim. Mas meu corpo é diferente. E foi isso que (meu médico) disse: ‘Todo mundo é diferente’”, disse. EM 2020, Geno chegou a ser internado mais de 20 vezes. “Passei de 100 quilos para 68, fiquei em depressão por três meses”, explicou. Ele deixou dois filhos e a esposa Shevelle.

Veja também
+ Joice Hasselmann aparece com fraturas e diz acreditar ter sido vítima de ‘atentado’
+ Pintor é expulso de rodízio por comer 15 pratos de massa; assista
+ ‘Transo 15 vezes na semana’, diz Eduardo Costa ao revelar tratamento por vício em sexo
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago