Esportes

More australiano Ashley Cooper, ex-número 1 do tênis

O australiano Ashley Cooper, ex-número 1 do mundo do tênis e campeão de quatro torneios de Grand Slams nos anos 1950, faleceu aos 83 anos, anunciou nesta sexta-feira (22) a Federação Australiana de Tênis.

“Lembraremos dele como um gigante de nosso esporte, um jogador brilhante e um administrador de grande classe”, homenageou a Tennis Australia.

“Ashley era o mais humilde dos campeões e alguém que amava sua família acima de tudo”, afirmou Craig Tiley, presidente da Tennis Australia.

Cooper ganhou três Grand Slam em simples em 1958 (Aberto da Austrália, Wimbledon e Aberto dos Estados Unidos). Antes, havia conquistado em 1957 o Aberto da Austrália.

Em duplas, conquistou quatro Grand Slams, dois deles em Roland Garros (1957, 1958).


+ Grávida do quinto filho, influenciadora morre aos 36 anos
+ Após assassinar a esposa, marido usou cartão da vítima para fazer compras e viajar com amante

No total, Cooper conquistou 27 títulos e foi campeão um vez da Copa Davis com a Austrália, em 1957.

“Era um campeão fantástico, nas quadras e fora delas. E que esquerda!”, escreveu no Twitter o lendário tenista australiano Rod Laver.

arb/jr/sg/dr/am

Twitter

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

Tópicos

AUS deceso tênis