Mundo

Morales chega a Argentina e solicita status de refugiado

Morales chega a Argentina e solicita status de refugiado

O ex-presidente da Bolívia Evo Morales, na Cidade do México - AFP/Arquivos

BUENOS AIRES, 12 DEZ (ANSA) – O ex-presidente boliviano Evo Morales chegou nesta quinta-feira (12) a Buenos Aires, na Argentina, com a intenção de solicitar o status de refugiado ao novo presidente Alberto Fernández.

“Suponho que Morales veio para ficar”, disse o ministro das Relações Exteriores da Argentina, Felipe Solá, membro do governo do peronista Fernández. “Foi dado asilo para entrar no país, mas agora estão firmando o pedido de refúgio, que é uma condição diferente e deve ser aprovada pelo Ministério do Interior. A diferença entre asilo e refúgio é que o último tem normas”, explicou. O boliviano, que estava em Cuba, renunciou ao poder em novembro, após uma série de protestos populares contra suspeitas de irregularidades nas eleições.

Depois de renunciar ao cargo, Morales viajou ao México, onde disse que viveria. Em seguida, foi para Cuba para um tratamento médico. Com a eleição de Fernández, cuja vice-presidente é Cristina Kirchner, uma aliada na América do Sul, Morales resolveu ir para a Argentina. (ANSA)

Veja também

+ Funcionário do Burger King é morto por causa de demora em pedido

+ Seu cabelo revela o que você come (e seu nível socioeconômico)

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Bolsonaro veta indenização a profissionais de saúde incapacitados pela covid-19

+ Nascidos em maio recebem a 4ª parcela do auxílio na quarta-feira (05)

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?