Brasil

Moraes comemora arquivamento CPI da Lava Toga

O ministro do Supremo Federal (STF) Alexandre de Moraes celebrou o arquivamento na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado do pedido da CPI da “Lava Toga”, que pretendia investigar suposto “ativismo judicial” em tribunais superiores.

Moraes comemorou que a CCJ do Senado entendeu anteontem que não havia motivos para a CPI e manteve a independência da Corte.

“Não é possível uma comissão parlamentar que pretenda, por exemplo, como estava no recurso, analisar como se dá a produção do gabinete para levar ao voto do ministro. Era querer afetar a independência do Judiciário”, afirmou o ministro do STF.

Moraes defendeu ainda que a Constituição não autoriza CPIs sobre outros poderes como um todo.

Veja também

+ Cartucho de videogame do Super Mario Bros. é leiloado por US$ 114 mil e quebra recorde
+ Moto pega fogo ao ser desinfectada; veja o vídeo
+ Aparência de apresentadora da TV britânica choca redes sociais
+ Empresário de 34 anos morre após cair do parapente no Espírito Santo
+ Dicas fáceis de como limpar panela queimada
+ Jovem pede delivery e encontra dedo humano em esfirra
+ Neto de Elvis Presley é encontrado morto, diz site
+ Usado: Toyota Corolla é carro para ficar longe da oficina
+ Veja 7 incríveis casas na natureza para sonhar
+ A “primavera das bikes” pós-pandemia vai chegar ao Brasil?
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Saiba em quais lugares o contágio pelo novo coronavírus pode ser maior