Geral

Moradores da Providência protestam contra a PM no centro do Rio


Moradores do Morro da Providência, na região central do Rio, realizaram na manhã desta quinta-feira, 27, um protesto contra a Polícia Militar. No dia 19, durante uma operação da PM realizada no morro, um acusado de tráfico se rendeu e, segundo moradores, foi morto mesmo assim. A PM nega.

Segundo testemunhas, Ravi dos Santos Casas Novas, de 20 anos, tentou fugir dos policiais e invadiu uma casa. Os PMs da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) da Providência, que perseguiam o suspeito, entraram na casa. Segundo testemunhas, Novas se rendeu e mesmo assim foi morto a tiros. Já a PM diz que o rapaz foi encontrado ferido e os policiais o socorreram.

A manifestação começou às 6h50, quando os moradores da favela interromperam o trânsito em três pontos: nos trilhos da Supervia, perto da Central do Brasil; nos trilhos do VLT Carioca, em frente ao Centro Integrado de Comando e Controle da Polícia Militar, e na alça de acesso ao viaduto 31 de Março, no sentido do túnel Santa Bárbara.

Os cinco ramais da Supervia foram afetados, assim como as linhas 1 e 2 do VLT Carioca. Os protestos se estenderam até as 7h30.

Veja também
+ Corpo de Gabby Petito é encontrado, diz site; legista afirma que foi homicídio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Instituto Gabriel Medina fecha portas em Maresias
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio