Economia

Mobilização na Receita atinge fronteiras com Paraguai e Argentina, diz Sindifisco

Crédito: Reprodução/ TV Morena

A mobilização da Receita Federal já atinge exportações na fronteira do Brasil com a Argentina e com o Paraguai, segundo informou nesta sexta-feira, 14, Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal (Sindifisco).

Na fronteira com a Argentina, de acordo com o Sindifisco, o pátio da Receita Federal, com capacidade para 95 caminhões em Porto Xavier (RS), ficou tomado pelos veículos.

Nas filas para desembaraço para exportações na Argentina, o sindicato disse que havia na manhã desta sexta 20 caminhões esperando para cruzar a fronteira por balsa.

O município de Mundo Novo (MS) também amanheceu com filas de caminhões. Segundo o sindicato, dezenas deles ficaram parados fora do pátio durante toda a noite.

A operação-padrão, conforme o Sindifisco, também já atinge a fronteira com o Paraguai, entre as cidades de Ponta Porã e Pedro Juan Caballero.

O Broadcast (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado) apurou que os líderes do sindicato estão estudando ampliar a mobilização nesta sexta-feira, 14, após a reunião tido por eles como “frustrada” na quinta-feira com o ministro da Economia, Paulo Guedes.


Saiba mais
+ Andressa Urach pede dinheiro na internet: ‘Me ajudem a pagar a fatura do meu cartão’
+ O que se sabe sobre a flurona?
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ IPVA 2022 SP: veja como consultar e pagar o imposto
+ Um gêmeo se tornou vegano, o outro comeu carne. Confira o resultado
+ Reencarnação na história: uma crença antiquíssima
+ SP: Homem morre em pé, encostado em carro, e cena assusta moradores no litoral
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua