Brasil

Ministro militar e líder do governo retiram Paulo Guedes de entrevista coletiva

Crédito: Reprodução CNN

Ministro da Economia, Paulo Guedes (Crédito: Reprodução CNN)


O final de uma entrevista coletiva concedida pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, acabou chamando mais atenção do que o assunto discutido. O motivo é que logo após responder sobre o fim do auxílio emergencial, o ministro foi retirado da frente dos microfones pelo general Luiz Eduardo Ramos, ministro-chefe da Secretaria de Governo, e por Ricardo Barros (PP-RR), deputado e líder do governo na Câmara.

As imagens foram registradas pela CNN e mostram o ministro respondendo a perguntas, com o general e o parlamentar próximos a ele.

Durante a coletiva foi possível notar o incômodo de Barros e Ramos enquanto o ministro da Economia falava. Ao se afastar dos jornalistas, Guedes disse de forma bem humorada que “agora tem articulação política”, apontando para o ministro militar e o líder do governo.

Na sequência, Ramos respondeu: “Agora é trabalhar”.

Na coletiva, Paulo Guedes falou sobre a criação de “tributos alternativos” com objetivo de reparar a desoneração da folha de pagamento de alguns seguimentos. Além disso, o ministro usou o termo “aterrissagem suave” para explicar as diretrizes do governo após o fim do auxílio emergencial, no caminho de suavizar o impacto do fim do benefício concedido por conta da pandemia de Covid-19.

Veja também
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ ‘Transo 15 vezes na semana’, diz Eduardo Costa ao revelar tratamento por vício em sexo
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago