Brasil

Ministro da Educação volta a errar no português em tuíte

Crédito: Agência Senado

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, voltou a cometer erros de português em uma nova publicação no Twitter nesta segunda-feira (17).

Na postagem, o ministro compartilhou uma foto dele dentro de um avião e escreveu “aonde está a pompa e a liturgia do cargo? Na poltrona 16A…”.

A frase contém dois erros. O primeiro é o uso do advérbio “aonde”, que usado de forma correta indica ideia de movimento. Nesse caso, o ministro fala de um lugar que seria fixo, por isso deveria ter usado o termo “onde”. O segundo erro é de concordância verbal. Na frase, Weintraub deveria usar “estão” em vez de “está”.

O ministro da Educação já causou outras polêmicas com erros de português. No início deste ano, ele chocou muitos brasileiros ao escrever de forma errada a palavra “impressionante”, utilizando a letra “c” no lugar do “ss” (“imprecionante”), em uma publicação também postada no Twitter.

Já em agosto do ano passado, o ministro errou a grafia da palavra paralisação em um ofício enviado ao ministro da Economia, Paulo Guedes. Na ocasião, Weintraub escreveu paralisação com a letra z em dois trechos do documento.