Cultura

Milton Hatoum ganha o Prêmio Juca Pato

O escritor Milton Hatoum, cronista do Caderno 2, foi o vencedor do Prêmio Juca Pato por seu romance A Noite da Espera (Companhia das Letras). O lançamento marcou a volta do autor ao gênero, nove anos depois do lançamento de Órfãos do Eldorado. Seu novo livro, o primeiro da trilogia O Lugar Mais Sombrio, tem como pano de fundo o Brasil sob a ditadura militar e acompanha Martim, jovem paulista que se muda para Brasília com o pai, nos anos 1960, depois de uma traumática separação da mãe. Na nova Capital Federal, faz amizade com adolescentes de diversas classes sociais.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.