Geral

MG: Mulher omite morte do pai por seis anos e recebe R$ 190 mil do INSS

Crédito: Divulgação/ PF

Uma mulher em Divinópolis (MG) recebeu R$ 190 mil do INSS nos últimos seis anos por não ter registrado a morte do pai ocorrida em julho de 2015. De acordo com as investigações da Polícia Federal, a mulher continuou a fazer anualmente a “prova de vida” do falecido e o saque dos dois benefícios ao qual o idoso tinha direito.

Na terça-feira (7), a PF cumpriu mandado de busca e apreensão e apreendeu dois cartões dos benefícios, além dos documentos referentes ao enterro do pai. Durante as buscas, a mulher confessou que vinha recebendo os benefícios todos estes anos.

Ainda conforme a PF, a mulher não foi presa por não estar em flagrante. Ela irá responder em liberdade pelo crime de estelionato, com pena prevista de 1 a 5 anos, que pode ser aumentada em um terço por se tratar de crime contra entidade de direito público.

Veja também
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ ‘Transo 15 vezes na semana’, diz Eduardo Costa ao revelar tratamento por vício em sexo
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago