Ediçao Da Semana

Nº 2741 - 05/08/22 Leia mais

Uma mulher de 34 anos foi resgatada após viver cerca de nove meses em situação análoga à escravidão em Mateus Leme (MG). As informações são do UOL.

Segundo a Polícia Civil, a mulher foi levada pela ex-patroa da mãe dela para Campo Grande (MS) onde tinha que fazer trabalhos domésticos sem remuneração, além de se alimentar com restos de comida e não poder sair da residência. Os contatos que a mulher tinha no celular também foram apagados.

Segundo os investigadores, a mulher conseguiu fugir no dia 21 de março após ter autorização para ir até à igreja. Ela pediu socorro e recebeu ajuda de pessoas de uma igreja.

A mãe tinha feito um boletim de ocorrência, mas não mencionou o desaparecimento, somente que ela não entrava em contato há um tempo. Ao chegar em Minas Gerais, a vítima recebeu atendimento médico por aparentar quadro de desnutrição.