Geral

MG: Mulher é indiciada por matar companheiro e disfarçar cena do crime

Crédito: Pixabay

Imagem ilustrativa (Crédito: Pixabay)

Uma mulher, de 34 anos, foi indiciada pela Polícia Civil na quarta-feira (25) pela morte do marido, de 42 anos, em Ouro Preto (MG). De acordo com a polícia, no último dia 10 de abril, o homem foi encontrado em um dos quartos da residência da suspeita, com uma perfuração profunda no tórax e uma faca empunhada na mão esquerda.

Inicialmente, o caso foi registrado como suicídio. No entanto, o laudo de necropsia do corpo e os vestígios recolhidos pela perícia na cena do crime levantaram a hipótese de homicídio.


Durante as investigações, a companheira da vítima admitiu ter causado a lesão que provocou a morte do homem durante um embate físico entre o casal. Além disso, a investigada confessou ter adulterado a cena do crime, limpando manchas de sangue que havia no chão da casa e o próprio cadáver, argumentando ter feito isso por medo de ser responsabilizada.

A mulher foi indiciada pelos crimes de homicídio e fraude processual e inquérito policial remetido à Justiça.