Geral

MG: Homem é preso acusado de abusar sexualmente da filha por mais de 10 anos

Crédito: Divulgação/Polícia Civil

O suspeito foi preso durante a madrugada, quando saía para trabalhar (Crédito: Divulgação/Polícia Civil)

Um homem de 48 anos, que não teve a identidade revelada, foi preso pela Polícia Civil nesta quarta-feira (18), em Belo Horizonte. O mandado de prisão preventida foi dado pela Justiça 12 anos depois da vítima procurar ajuda. As informações são do G1.

A vítima, hoje com 25 anos, afirma que foi abusada pelo próprio pai por cerca de dez anos. De acordo com ela, os abusos aconteciam quando mãe saía de casa para fazer faxinas em outro local.


“Os abusos começaram quando eu tinha uns 3 anos, tinha um shortinho vermelho e listrado e lembro dele esfregando as partes íntimas em mim. Quando eu entrei na adolescência, precisava de um uniforme escolar e meu pai disse que só compraria se eu deixasse ele me chupar”, disse ela.

“Meu pai trabalhava em obra e ficava comigo quando minha mãe saía para trabalhar. Ele entrava no meu quarto e cometia os abusos. Cheirava as minhas calcinhas, beijava a minha boca. Fui crescendo e vendo que aquilo não estava certo. E ele sempre dizia que eu não podia contar porque minha mãe e eu não conseguiríamos viver sem ele pela questão financeira”, seguiu.

A jovem tomou coragem anos atrás e contou para a mãe sobre os abusos. Elas, então, gravaram o acontecido e foram a uma delegacia. O suspeito foi preso na madrugada, quando saía para trabalhar. Durante o ato, ele negou os abusos sexuais.

“Ele negou também que tenha ameaçado a vítima, que estivesse rondando a casa dela. No entanto, admitiu que estava morando próximo à casa da filha e já tinha tomado conhecimento, há cerca de um mês, da medida protetiva”, disse Larissa Mascotte, delegada responsável pela prisão.