Por Leonel Rocha

O único foco dos bolsonaristas no Congresso no 2º semestre será evitar que a CPMI do 8 de janeiro convoque o ex-presidente para depor.

Filho de Jair, o deputado Eduardo Bolsonaro (SP) investe na tese de que houve omissão de ministros de Lula da Silva na invasão dos palácios. O senador Magno Malta (PL-ES) também só trata deste tema.


Siga a IstoÉ no Google News e receba alertas sobre as principais notícias