Economia

Mesmo com pandemia, bancos europeus podem sustentar recuperação, diz FMI


Embora a pandemia de covid-19 vá reduzir significativamente o capital dos bancos europeus, seus colchões de liquidez são suficientemente grandes para suportar os efeitos da crise, segundo estudo do Fundo Monetário Internacional (FMI).

“Com as políticas certas, os bancos conseguirão sustentar a recuperação (econômica) com novos empréstimos”, diz o FMI em texto publicado em seu blog nesta sexta-feira, 26.

O Fundo prevê que o índice de capital agregado dos bancos europeus cairá de 14,7% para 13,1% até o fim de 2021 se os governos continuarem mantendo o suporte por meio de medidas de estímulo.

De qualquer forma, o FMI acredita que nenhum banco violará a exigência mínima de capital de 4,5%, mesmo na ausência de estímulos.


+ Atleta de Jiu Jitsu morre aos 30 anos de Covid 15 dias após perder o pai pela doença
+ Após ameaças, soldada da PM denuncia coronel por assédio sexual
+ Mulher morre após ingerir bebida alcoólica e comer 2 ovos



Veja também

+ Tenha também a Istoé no Google Notícias
+ Canadá anuncia primeira morte de pessoa vacinada com AstraZeneca no país
+ Yasmin Brunet comemora vitória de Gabriel Medina
+ Decifrado código dos Manuscritos do Mar Morto
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Receita de moqueca de peixe simples e deliciosa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS