Milagros, uma garota de 12 anos que foi encontrada sem vida na casa de seu pai na última sexta-feira (13), em Santa Fe, na Argentina, teria transmitido sua morte para seus colegas pelo aplicativo TikTok. Segundo Laura Luque, a tia da criança, Milagros teria supostamente participado de desafio chamado “Blackout Challenge” (“o desafio do apagão”) que custou sua vida.

“Milagros era uma garota muito inteligente. Ela era muito educada, muito atenta a tudo que acontecia nas redes sociais. Pelo que sabemos, um link foi enviado a ele por seus colegas de escola. Ela abriu e entrou em uma videochamada em grupo”, explicou Luque para um programa de rádio.

“Ele era muito inteligente e muito feliz. Estamos em uma sociedade que não consigo entender, não entendo como tem caras que falam que se você não fizer um desafio, você é um merda. Não vou parar até saber o que aconteceu com Milagros. Ela não teria sido capaz de tirar a própria vida”, continuou Luque.

Segundo o pré-laudo da autópsia realizada no Instituto Médico Legal de Rosário, a causa da morte foi sufocamento mecânico por enforcamento. Na investigação realizada pelo procurador Juan Carlos Ledesma, até o momento, não foram detectados indícios de violência externa ou intervenção de terceiros.

O “Blackout Challenge” é um desafio que consiste em prender a respiração o máximo de tempo possível. O perigoso objetivo tem a ver com a perda de consciência por falta de ar, daí o termo “blackout”, apagão em inglês. Este desafio viral não é novo e já custou várias vidas nos últimos anos.

Assine nossa newsletter:

Inscreva-se nas nossas newsletters e receba as principais notícias do dia em seu e-mail

Siga a IstoÉ no Google News e receba alertas sobre as principais notícias