Comportamento

Meghan Markle revela que sofreu aborto natural em julho

Meghan Markle revela que sofreu aborto natural em julho

(Arquivo) O príncipe Harry e Meghan Markle em 27 de novembro de 2017 - AFP/Arquivos

Meghan Markle, esposa do príncipe Harry, revelou que sofreu um aborto natural em julho, em um artigo de opinião publicado nesta quarta-feira no jornal New York Times, no qual aborda o grande sofrimento e luto enfrentado pelo casal.

“Eu sabia, enquanto segurava meu primeiro filho, que estava perdendo meu segundo”, escreveu a duquesa de Sussex, que se casou em 2018 com o príncipe Harry, sexto na linha de sucessão à coroa britânica.

Meghan e Harry tiveram o primeiro filho, Archie, em maio de 2019.

No texto publicado no New York Times, Meghan escreve que havia acabado de trocar a fralda do filho quando sentiu uma forte cãibra e caiu no chão.

A ex-atriz de 39 anos afirma que sofrer um aborto espontâneo é uma “dor insuportável” e que o tema continua sendo um “tabu, impregnado de vergonha (injustificável), que perpetua um ciclo de luto solitário”.


+ Grávida do quinto filho, influenciadora morre aos 36 anos
+ Após assassinar a esposa, marido usou cartão da vítima para fazer compras e viajar com amante

No texto, ela também menciona temas como a pandemia de coronavírus, o movimento de protesto Black Lives Matter (Vidas Negras Importam) e a recente turbulência eleitoral nos Estados Unidos, para oferecer no fim uma mensagem de esperança.

“Pela primeira vez, em muito tempo, estamos realmente vendo uns aos outros”, escreveu.

Markle – filha de mãe negra – também comenta a morte dos afro-americanos Breonna Taylor e George Floyd durante ações policiais.

“A perda e a dor invadiram cada um de nós em 2020, em momentos tensos e debilitantes”.

– Retiro –

A coluna foi publicada no momento em que o casal trava uma batalha contra vários meios de comunicação, acusados de violarem sua privacidade.

Markle afirma que a Associated Newspapers – que edita os jornais britânicos Mail Online, Daily Mail e sua versão dominical Mail on Sunday – violou sua privacidade com a publicação de trechos de uma carta direcionada a seu pai, Thomas Markle, em agosto de 2018, antes do casamento com Harry.

Após sua saída da família real, anunciada em janeiro e que se tornou efetiva em abril, Meghan e Harry se mudaram em um primeiro momento para o Canadá e pouco depois para a Califórnia (costa oeste dos Estados Unidos).

O afastamento aconteceu depois da divulgação de informações de que Markle era muito infeliz com a vida na família real e estava cansada da invasão de parte da imprensa.

Harry, por sua vez, foi alvo dos tabloides durante toda sua vida e culpa estas publicações pela morte de sua mãe, a princesa Diana.

O casal, no entanto, assinou um acordo de exclusividade para uma produção da Netflix por um valor que não foi revelado.

– “Você está bem?” –

Na coluna, Meghan Markle comenta que em julho ela entendeu – enquanto era confortada pelo marido no hospital após o aborto – que “a única forma de começar a se curar é perguntar primeiro: ‘Você está bem?'”.

Entre 10% e 15% gestações conhecidas terminam em aborto espontâneo, de acordo com a organização americana March of Dimes.

“Algumas compartilharam de maneira corajosa suas histórias; elas abriram a porta, sabendo que quando uma pessoa fala a verdade, isso permite a todos nós fazermos o mesmo”, escreveu Markle.

A decisão de Markle de utilizar o New York Times para falar sobre o aborto lembra a coluna de 2013 em que a atriz Angelina Jolie revelou a decisão de passar por uma mastectomia dupla preventiva.

Jolie, que na época ainda era casada com o ator Brad Pitt, afirmou que decidiu revelar sua decisão ao público porque “espero que outras mulheres possam se beneficiar da minha experiência”.

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Veja o significado dos 10 sonhos mais comuns
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel