Mundo

Medalhista olímpica apontada como amante de Putin desaparece após dar à luz gêmeos

Crédito: Russian Presidential Press and Information Office/ Wikimedia Commons

A medalhista olímpica Alina Kabaeva, de 37 anos, não é vista desde 2018, quando afirmou estar grávida de dois meses do presidente da Rússia, Vladimir Putin. De acordo com a imprensa internacional, os bebês nasceram em abril do ano passado em uma clínica de Moscou. No entanto, os rumores de que ela estaria desaparecida cresceram nos últimos dias.

Ex-ginasta e ex- parlamentar pelo partido Rússia Unida do presidente, os rumores de que Alina e Putin estavam juntos começaram em 2008, quando Putin ainda era casado com sua ex-mulher Lyudmila Shkrebneva.

No entanto, a história foi negada e o jornal que publicou a informação foi fechado. Há ainda rumores de que ela teve seu primeiro filho com Putin em 2015, o que também foi negado.

Atualmente, Alina é chefe do Grupo Nacional de Mídia, que ganhou um contrato exclusivo para transmitir conteúdo da Netflix. Ao jornal The Sun, uma fonte ligada ao governo afirmou que Putin é “um homem intensamente privado”.

“Ele escondeu suas duas filhas adultas sob identidades falsas por anos. Mesmo agora, embora ele fale sobre elas ocasionalmente, ele nunca as nomeia. Se Alina deu à luz seus filhos, o fato de ela se esconder pode ser um dos indícios mais fortes que apontam para isso. Ele é obsessivo com a segurança de sua família”, disse a fonte ao The Sun.

Veja também
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ ‘Transo 15 vezes na semana’, diz Eduardo Costa ao revelar tratamento por vício em sexo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago