Istoé em Tóquio

Medalhista anuncia morte da mãe dois dias depois de protesto marcante no pódio em Tóquio

Medalhista anuncia morte da mãe dois dias depois de protesto marcante no pódio em Tóquio

Atleta norte-americana Raven Saunders faz gesto ao receber medalha de prata na prova do arremesso de peso na Tóquio 2020


Raven Saunders já ficou marcada nos Jogos Olímpicos de Tóquio pelo manifesto em pleno pódio após receber a medalha de prata no arremesso de peso para os Estados Unidos. Entretanto, uma notícia triste foi anunciada por Saunders dois dias após a conquista: a morte da sua mãe. “[Saindo] das redes sociais por um tempo para cuidar da minha saúde mental e da minha família. Minha mãe foi uma grande mulher e viverá para sempre através de mim. Meu anjo da guarda número um. Eu sempre e para sempre amarei você.”, escreveu ela por meio do Twitter.

Protesto

Fazendo um x com os braços acima da cabeça no pódio, Raven fez o gesto em apoio aos oprimidos em todo mundo e foi a primeira manifestação política na edição olímpica em Tóquio. Além disso, Saunders também ficou marcada pelo cabelo pintado de verde e roxo e a máscara com sorrido do Coringa.

A atleta recebeu o apoio do Comitê Olímpico e Paraolímpico dos EUA, que ofereceu “pensamentos e orações” à Saunders. “O USOPC e a USATF gostariam de oferecer a Raven nossas mais sinceras condolências”, informava a declaração. “A mãe dela deixou um legado incrível na filha, por quem temos tanto orgulho e gratidão por chamar de companheira de equipe.”, completou a publicação.

Veja também
+ Corpo de Gabby Petito é encontrado, diz site; legista afirma que foi homicídio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Instituto Gabriel Medina fecha portas em Maresias
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio