Esportes

Medalha de ouro em Tóquio exige exclusão de Paris 2024 de países que criminalizam gays: ‘Direitos humanos básicos’

Crédito: Reprodução Instagram

Tom Daley (Crédito: Reprodução Instagram)


O saltador britânico Tom Daley foi taxativo ao pedir a exclusão de países que matam ou criminalizam gays da Olimpíada de 2024, que será realizada em Paris, na França.

“Nos últimos Jogos Olímpicos havia mais atletas LGBTQIA+ do que em qualquer uma das Olimpíadas anteriores juntas, o que é um grande passo à frente”, disse o campeão olímpico da plataforma de 10m.

“Mesmo assim, ainda existem 10 países que punem ser gay com a morte, que ainda foram autorizados a competir nos Jogos Olímpicos. Isso é bastante chocante para muitas pessoas”, lamentou o campeão olímpico de 27 anos.

“É muito bom falar sobre essas coisas, mas acho que é realmente importante tentar criar mudanças, em vez de apenas destacar e iluminar essas coisas”, avaliou.

Instagram will load in the frontend.

Medalha de ouro no salto sincronizado ao lado de Matty Lee, Tom ressaltou que tem “sorte” de ter nascido em solo britânico, onde ele pode ser quem é realmente.

“Para aqueles 10 países onde você não pode ser você mesmo, eles não deveriam ter permissão para estar nos Jogos Olímpicos – ou definitivamente não ter permissão para sediar os Jogos Olímpicos”, frisou.

“Eu acho que não deveria ser permitido que um evento esportivo fosse sediado em um país que criminaliza contra os direitos humanos básicos”, completou.

Declaradamente gay, Daley disse ainda que considera uma “missão” buscar melhorias nos direitos dos homossexuais em nações que punem até com a morte o ato de se relacionar com pessoas do mesmo sexo.

“Quero tornar minha missão antes das Olimpíadas de Paris em 2024 fazer com que os países que criminalizam e tornam as pessoas LGBTQIA+ passíveis de pena de morte não possam competir nos Jogos Olímpicos.”

“Eu realmente quero tentar no próximo ano [2023] ou mais trabalhar com o COI ou alguém para tentar criar algum tipo de mudança.”, finalizou.

Saiba mais
+ Mãe de Medina compara Yasmin Brunet a ‘atriz pornô’ e colunista divulga conversa
+ Chamada de atriz pornô, Yasmin Brunet irá processar mãe de Gabriel Medina
+ Mulher divide marido com mãe e irmã mais nova: ‘Quando não estou no clima’
+ Em pose sexy, Cleo Pires afirma: "Amando essa minha bunda grande"
+ Médicos encontram pedaço de cimento em coração de paciente durante cirurgia
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio