Esportes

Max se emociona com estreia e gol pelo Flamengo: ‘Foi a melhor coisa que aconteceu na minha vida’

Meia de 19 anos marcou o gol da vitória do Flamengo em sua estreia pelos profissionais

Max se emociona com estreia e gol pelo Flamengo: ‘Foi a melhor coisa que aconteceu na minha vida’

Autor do gol – e que golaço! – da vitória do Flamengo na estreia do Campeonato Carioca, o garoto Max se emocionou muito na comemoração no Maracanã, na partida desta terça-feira, no Maracanã. Ainda no estádio, o meio-campista de 19 anos explicou a sensação ao balançar a rede em seu primeiro jogo pelo Fla.

– Foi a melhor coisa que aconteceu na minha vida – afirmou Max, à FlaTV, antes de completar:

– Dedico esse gol para o meu filho Heitor, que está com dois meses, e espero fazer mais por ele.

Max entrou aos 4 minutos da etapa final, no lugar de Daniel Cabral, com dores. Aos 48, Lázaro rolou para o camisa 18, que acertou um chutaço, de esquerda, no ângulo de Luiz Henrique.

Ainda na saída do campo, tomado pela emoção, o meia falou sobre sua chegada ao Flamengo, em 2019, e também dedicou o gol ao seu pai.

– Eles me viram na Copinha, pelo Tupi, um olheiro me viu, gostou e cheguei ao Flamengo. Aos poucos conquistei meu espaço – afirmou Max, antes de seguir:

Dedico ao meu pai, que está lá em cima. Creio que está me olhando lá de cima. Uma vez falou comigo, quando ao tinha 13 anos, que chegaria ao grupo do Flamengo e espero fazer várias histórias aqui no clube – finalizou o meia do Fla.

Veja também

+ Receita de bolinho de costela com cachaça
+ Cientistas descobrem nova camada no interior da Terra
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Receita de moqueca de peixe simples e deliciosa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS