Economia

Massa de salários em circulação na economia cai R$ 14,753 bi em um ano, diz IBGE


A massa de salários em circulação na economia encolheu R$ 14,753 bilhões no período de um ano, para R$ 210,724 bilhões, uma queda de 6,5% no trimestre encerrado em dezembro de 2020 em relação ao mesmo período de 2019. Os dados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Na comparação com o trimestre terminado em setembro, a massa de renda real subiu 0,2%, com R$ 412 milhões a mais.

O rendimento médio dos trabalhadores ocupados teve queda de 4,2% na comparação com o trimestre até setembro, R$ 109 a menos.

Em relação ao trimestre encerrado em dezembro do ano passado, a renda média subiu 2,8%, R$ 67 a mais, para R$ 2.507.

A renda média real no País ficou em R$ 2.543 na média do ano de 2020. A massa de renda totalizou R$ 213,412 bilhões na média de 2020.


+ Mulher é presa por não devolver R$ 6,8 milhões que recebeu por engano
+ Família de Schumacher coloca mansão à venda por R$ 400 milhões
+ Pentágono confirma que vídeo com OVNIs em forma de pirâmide é autêntico



Veja também

+ Receita de bolinho de costela com cachaça
+ Cientistas descobrem nova camada no interior da Terra
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Receita de moqueca de peixe simples e deliciosa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS