Esportes

Mario Balotelli se diz ansioso por estreia no Brescia: ‘Quero voltar a campo’

De volta ao futebol de seu país após passagem pela França, onde atuou pelo Nice e pelo Olympique de Marselha, o atacante Mario Balotelli fará nesta terça-feira a sua estreia pelo Brescia, time italiano da cidade onde nasceu, e não esconde a ansiedade por isso. Pela quinta rodada do Campeonato Italiano – teve de cumprir uma suspensão de quatro jogos relativos a uma punição no Campeonato Francês -, o adversário será a Juventus, atual octocampeã nacional, em casa.

“Estou calmo para esse retorno, mas também estou ansioso. A ansiedade certa, de quem quer jogar não importa quem. E nunca me importei com adversário. Eu estou ansioso e quero voltar a campo”, afirmou Balotelli, em entrevista ao canal de streaming DAZN, lembrando que quer jogar bem para voltar à seleção italiana. “Eu estou tranquilo. Neste um mês e meio trabalhei mais do que nos últimos 10. Não ligo contra quem for, só quero brincar e me sentir bem”.

Sobre sua forma física e condições de jogo, Balotelli afirmou que desde os tempos de Manchester City não se sentia como agora. “É normal que ainda não tenha ritmo porque joguei só dois jogos (amistosos) até agora. Você só ganha ritmo quando está jogando. Mas uma coisa é certa: em termos de peso e forma, nunca fui assim. A última vez que tive o atual peso foi no Manchester City e eu tinha 20 anos”, disse o jogador que hoje tem 29.

Na janela de transferências internacionais encerrada no último dia 2, Balotelli recebeu uma proposta oficial do Flamengo, mas não a aceitou por querer jogar em casa. “Eu vim porque conhecia o presidente e a torcida. Está é minha casa, é uma honra jogar no Brescia e se não fosse por este time, nunca jogaria por um time que luta para não cair. Sei que tenho grandes responsabilidades, então me senti obrigado a me colocar numa forma física que nunca tive”, comentou.

Em sua volta, Balotelli retorna à Itália e encontra uma Série A mais rica do antes e com um multicampeão como Cristiano Ronaldo como o principal jogador do campeonato. Mas Balotelli não se mostrou muito impressionado com a chance de jogar contra o português. “Se me anima jogar contra ele? Eu realmente não me importo”, disse o atacante. “Ele é um grande campeão e o melhor do mundo junto com Messi. É bom jogar contra ele mas não estou animado. Vou tentar fazer gols (contra a Juventus) igual a todos os outros jogos que jogarei”, completou.