Geral

Marinho informa que já está no Ceará para avaliar rompimento de barragem

O ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, informou há pouco que retornou a Jati, no Ceará, para avaliar os danos causados pelo rompimento de um dos condutos da barragem homônima, na tarde de ontem. A obra faz parte do eixo norte da transposição do Rio São Francisco, cujo trecho teve as comportas abertas na quinta-feira, 20, pelo próprio ministro.

“Acabamos de chegar em Jati. Farei uma visita ao local acompanhado do Secretário Nacional de Defesa Civil, coronel Alexandre Lucas. Vamos à barragem para avaliar os danos causados pelo vazamento. Cabe ressaltar que o trabalho de recuperação já foi iniciado”, afirmou Marinho há pouco no Twitter.

Após o rompimento da obra, houve a evacuação preventiva dos moradores que residem em um raio de dois quilômetros da barragem. Imagens divulgadas em redes sociais mostram que o rompimento causou a vazão de grande quantidade de água.

“Também visitaremos as famílias que foram obrigadas a sair de suas casas, atendendo às medidas de segurança previstas no Plano de Ação Emergencial. Tomamos todas as medidas necessárias para preservar as vidas em primeiro lugar. O vazamento foi contido ainda na noite passada”, acrescentou Marinho hoje, em seu perfil na rede social.

O ministro disse estar em contato permanente com o governador do Ceará, Camilo Santana, e com a prefeita de Jati, Neta de Toim, a pedido do presidente Jair Bolsonaro. A barragem faz parte do trecho 1 (Jati-Cariús) do chamado Cinturão das Águas do Ceará e deve garantir o abastecimento de 4,5 milhões de pessoas da região metropolitana de Fortaleza.

Segundo Marinho, haverá uma entrevista coletiva no local às 14h30 deste sábado para atualizar a situação da estrutura da barragem.

Veja também

+ Homem salva cachorro da boca de crocodilo na Flórida
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Cirurgia íntima: quanto custa e como funciona
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Honda apresenta a Rebel CMX1100 para bater de frente com a Harley-Davidson
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel