Ediçao Da Semana

Nº 2742 - 12/08/22 Leia mais

A jornalista Mari Palma postou nesta quinta-feira (30) em seus Instagram uma retrospectiva sobre o ano de 2021 e sobre a morte do pai, Luiz Palma, que morreu este ano vítima de um câncer.

“Oi pai, olha eu aqui de novo escrevendo pra vc. é que tá chegando o fim do ano e a gente fica mais sensível, né? Sei lá, tá todo mundo postando retrospectiva de momentos felizes, todo mundo em festa, e eu só consigo pensar que 2021 foi o ano mais difícil da minha vida pq eu precisei me despedir de vc. E eu não tava nem um pouco preparada pra fazer isso, pai”, disse.

“Não sei se vc lembra, mas no Natal do ano passado, eu tava super preocupada com vc pegar COVID que te abracei chorando e disse “eu tenho medo de te perder” e vc me respondeu com os famosos tapinhas nas costas “vc vai me aguentar por muito tempo ainda, filha”. Dois dias depois, a gente descobriu que vc tava doente. 3 meses depois, vc foi embora. Aí bateu aquela revolta “ué, mas vc não disse que eu ia te aguentar por muito tempo? Como vc vai assim?”. Não demorou muito pra eu perceber que, como sempre, vc tava certo. vc não mentiu pra mim aquele dia. vc cumpriu tua promessa mesmo longe, vc se faz presente de um jeito inexplicável. O que significa que vc continua aqui e que sim, eu ainda vou te aguentar por muito tempo. Eu sinto tua mãozinha me empurrando em cada passo que eu dei esse ano. E foram muitos, pai”, desabafou.

“Eu virei TED Speaker, ganhei um programa que era um sonho meu, virei empresária (olha que chique), ajudei a lançar nosso primeiro curso de comunicação, tô conseguindo montar minha casa do jeito que eu quero, nunca estive melhor com o Phe, ganhei uma afilhadinha linda… sei lá, parece que vc deu um jeito aí de cima de colocar minha vida no caminho que vc sempre sonhou pra mim, de ser uma mulher forte, segura e independente. Muito disso tem a ver com a sorte que eu tive de ter a melhor relação de pai e filha que uma menina pode sonhar em ter. Uma relação que felizmente deixou muita lembrança pra compensar um pouco da saudade que dói todo dia”, acrescentou.

A jornalista completou a publicação ressaltando que o pai sempre estará presente em sua vida. “Ainda tinha muita coisa que eu queria viver com vc aqui nesse mundo, muita coisa que eu queria te contar, mas eu sei que vc tá me esperando em algum lugar com o abraço que só vc sabe dar. Vamos pra mais um ano – dessa vez de um jeito diferente: com eu aqui e vc aí. Mas o mais importante de tudo: sempre juntos de mãos dadas. Feliz ano novo, meu grande amor”, finalizou.

Confira:

https://www.instagram.com/p/CYHSEymL6Tc/