Ediçao Da Semana

Nº 2741 - 05/08/22 Leia mais

Na tarde desta terça-feira (28), Maitê Proença  compartilhou um vídeo na rede social para esclarecer a polêmica declaração que deu sobre seu namoro com a cantora Adriana Calcanhotto. Em entrevista à revista JP, a atriz disse que preferia que amada fosse homem.

“Eu dei uma entrevista em que eu fui perguntada sobre o meu relacionamento atual. E eu respondi que, apesar de eu preferir homens, eu estou com uma mulher. Porque eu gosto dela, gosto daquela pessoa. Se ela fosse um homem, seria mais fácil para mim, mais conhecido. Mas, por gostar, eu topo fazer essa experiência. Fui acusada de lesbofóbica”, explicou Proença.

“Agora, estar num relacionamento com uma mulher, me parece que fala mais alto do que o comentário dos que causam polêmica onde não há. O que eu disse está claro. E se lido na íntegra, sem má vontade, é elogioso com a minha parceira. Paz e amor”, completou.

Na legenda, a veterana ainda escreveu: “Trocando em miúdos… Apesar de preferir homens, estou com uma mulher. Porque gosto dela, da pessoa. Se ela fosse homem seria mais fácil pra mim. Mas por gostar dela, topo fazer essa experiência”, escreveu.

Após as declarações, alguns internautas viram a fala de Maitê como lesbofobia: “O que mais me choca nesse rolê da Maitê com a Adriana é a Adriana podia ter a mulher que ela quisesse e tá nessa situ horrenda”, escreveu uma usuária; “Sinto muito pela Adriana estar sendo exposta a isso”, reagiu outra.

O namoro de Maitê Proença e Adriana Calcanhotto começou no ano passado, após o casal se encontrar numa mansão de frente para o mar, localizada em Angra dos Reis, no Rio de Janeiro. O local pertence ao empresário Zé Maurício Machline, amigo da loira.

Assista abaixo o vídeo de Maitê Proença:

https://www.instagram.com/p/CfWlFCjDya5/