Edição nº2521 13.04 Ver edições anteriores

Mais um

Lava Jato
Mais um

Jose Lucena/Futura Press/Folhapress

Desde o início do mês em prisão domiciliar, por ordem do ministro Gilmar Mendes (STF), o presidente da Federação das Empresas de Transporte do Rio de Janeiro, Lelis Teixeira, fez acordo de delação premiada. Com base em depoimento do doleiro Álvaro Novis, os empresários de ônibus do estado são acusados de pagar cerca de R$ 260 milhões ao ex-governador Sérgio Cabral e a outras autoridades em troca de vantagens como reajustes injustificados. Lelis é um dos seis principais envolvidos, apontado pelo MPF como tendo embolsado mais de R$ 1,57 milhão.

Internacional
Cuidado extremo

Parece a maldição de Hanói. Ao cancelar a viagem que Michel Temer faria à Ásia, de 5 a 13 de janeiro do ano que vem, o Planalto fez questão de sinalizar aos anfitriões que a visita vai ocorrer até junho de 2018. Muita diplomacia em especial com o Vietnã. Em 2015, Dilma Rousseff cancelou uma ida àquele país poucos dias antes de embarcar, causando mal estar. Em 2012, em outro arroubo, cancelou audiência com o secretário-geral do Partido Comunista daquele país, quando ele já estava a caminho do Brasil.

Carne Fraca
Será?

Caberá a Dias Toffoli, do STF, homologar a principal delação premiada da Operação Carne Fraca, realizada pela Polícia Federal, em março. O fiscal do Ministério da Agricultura Daniel Gonçalves apontou quatro deputados federais do Paraná, todos do PMDB, como beneficiários de propinas de frigoríficos. Osmar Serraglio, Sérgio Souza, Hermes Parcianello e João Arruda (sobrinho do senador Roberto Requião) estão convencidos de que o ministro será indulgente.

CLT
Antes & depois

A Sexta Turma do TST decidiu não aceitar o pagamento de honorários advocatícios e custos na Justiça trabalhista, nos processos iniciados antes da nova CLT. Para os ministros, juízes e desembargadores precisam manter o foco: ações iniciadas antes de 11 de novembro têm como paradigma as regras da época, nada de metamorfose. Crítica direta aos magistrados que vêm arquivando causas nas quais o autor não provou aquilo que reclama, condenam a parte derrotada a pagar a vencedora em dinheiro a título de reparo e custas do processo, bem como impõem ao réu os honorários advocatícios.

Política
Cara de pau

A criatividade de Paulo Maluf, condenado a quase oito anos de cadeia por corrupção, é invejável. Nas derradeiras alegações que apresentou ao STF para evitar sua prisão, ele afirma que não movimentou dinheiro numa conta sua que estava bloqueada nas Ilhas Jersey. Mas, então, quem movimentou? “O próprio banco”, informa. Detalhe: “o próprio banco”, no caso, usou os recursos para pagar contas da Eucatex. Empresa de quem? Ora, de Maluf…

Eleições
Um pé atrás

ACM Neto – Folha de São Paulo

Um dos poucos políticos capazes de fazer frente ao PT nos estados do nordeste (Lula tem mais de 40% das intenções de voto na região), ACM Neto disse a aliados que sua propalada candidatura ao governo da Bahia não são favas contadas. Com aprovação acima de 70% em Salvador, ele está decidido a só abrir mão da Prefeitura se as pesquisas de 2018 o apontarem como imbatível na disputada pelo Palácio de Ondina.

Fisco
Só cresce

Cris Faga/Fox Press Photo

Faltando pouco para o ano acabar, a Associação Comercial de São Paulo fez as últimas estimativas em relação ao Impostômetro, sistema que estima quanto de tributo foi pago pelos brasileiros desde janeiro à União, estados e municípios. Baterá a marca recorde de R$ 2,1 trilhões nessa quinta-feira 21, por volta das 8h. Os economistas da entidade prevêem que no dia 31 o painel inaugurado em 2005 registrará a mordida de R$ 2,170 trilhões, número inédito (R$ 2 trilhões em 2016). Três fatores por trás da alta: aumento de alíquotas no primeiro semestre, inflação ascendente e aquecimento da atividade econômica.

Previdência
O olhar de cima

A decisão de transferir a votação da reforma da Previdência para fevereiro de 2018 não significa que o governo vai dormir de toca até lá. O Planalto trombeteará sobre a necessidade das mudanças a cada mês que o sistema fechar no vermelho, inclusive buscando atrair os “presidenciáveis” ao debate. O governo também só quer a proposta na pauta da Câmara e do Senado com o compromisso dos políticos da base em encarar de vez a questão. O envolvimento com o tema dos partidos que apóiam o governo será levado em conta na reforma ministerial, que está a caminho.

2018
Que coincidência!

Criado em 1923, o Dia Nacional do Aposentado vai coincidir com o julgamento da apelação de Lula no caso do triplex do Guarujá, no Tribunal Regional Federal da 4ª Região. Até aqui, o que se vê em 24 de janeiro são protestos contra a defasagem do valor real dos benefícios e cobranças para correções acima da inflação. Mas em 2018, os gritos de velhinhos e velhinhas nas ruas serão também contra ou a favor de Lula. O ex-presidente tem cartaz entre os aposentados, mesmo ganhando como anistiado acima de R$ 5 mil mensais, valor bem superior ao que recebe a grande maioria dos beneficiários do INSS.

Receita Federal
Livre trânsito

A operação padrão dos funcionários da Receita Federal é criticada dentro e fora do governo. O protesto contra o adiamento do reajuste salarial e aumento da contribuição previdenciária levou empresas a estudarem ir à Justiça para retirar objetos em portos e aeroportos. A unidade do fisco em Salvador, porém, nega ter retardado o desembarque do presidente da Iberostar, Miguel Fluxo Rosselo, conforme publicado aqui. O grupo espanhol nada comentou.

São Paulo
Do lixo ao luxo

Empresas da Alemanha, China, França e Brasil confirmaram interesse em participar de concorrência em abril para venda da coleta de lixo de São Paulo. O negócio, bilionário, projeta o reaproveitamento futuro de 90% das 17 mil toneladas de resíduos recolhidas por dia na cidade. O tucano João Dória almeja, com a operação, dar à cidade o título de “capital brasileira da reciclagem”.

Vida
Nado livre

As sereias estão com os dias contatos. O Inmetro e a Sociedade Brasileira de Pediatria discutem a proibição da venda da chamada “cauda de sereia” no País, moda após a novela “A Força do Querer”, onde  a personagem Ritinha (Isis Valverde) nadava com o traje, encantando a audiência. Enquanto o veto não chega, as duas entidades querem que os fabricantes alertem na embalagem para os perigos do uso do acessório: prende as pernas e pés, dificulta a flutuação, compromete o equilíbrio e pode levar ao afogamento, até em piscinas rasas.

Esporte
Da areia ao gelo

Durante os Jogos de Inverno de PyeongChang, na Coreia do Sul, que se iniciam no dia 9 de fevereiro de 2018, a Federação Internacional de Vôlei vai promover partidas de exibição do esporte – na neve. Com três atletas de cada lado, no masculino, o objetivo é tornar a prática surgida na Áustria esporte olímpico, em 2022.

Tópicos

Ricardo Boechat

Mais posts

Ver mais
X

Copyright © 2018 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.