Esportes

Mais confiante, Flu tenta derrubar domínio do favorito Fla na final do Carioca

Em busca do título do Campeonato Carioca, Flamengo e Fluminense vão protagonizar nesta quarta-feira o quinto clássico entre os dois times somente neste ano. Mas o Fla-Flu que terá início às 21 horas, no Maracanã, com transmissão do SBT, será diferente dos anteriores. Antes favorito absoluto, o rubro-negro caiu de produção nos últimos jogos e não assusta tanto. Do outro lado, o hesitante tricolor evoluiu a olhos vistos e ganhou confiança.

Tudo aponta para o clássico mais equilibrado da temporada até agora, após os dois times se conhecerem bem. Nesta quarta, eles jogarão pela terceira vez consecutiva. A série teve início na quarta passada, com a final da Taça Rio, decidida nos pênaltis em favor do Flu, após empate por 1 a 1 no tempo normal. No domingo, o Fla levou a melhor por 2 a 1, mas o rival esteve perto de vencer.

O time comandado por Jorge Jesus ainda tem o favoritismo na busca pelo bicampeonato, mais em razão do triunfo na ida do que pelo histórico recente. Portanto, em caso de empate, o rubro-negro aumentará sua coleção de troféus – que já tem o Carioca, a Libertadores e o Brasileirão do ano passado, além da Taça Guanabara deste ano. Se o Flu vencer por um gol de diferença, a final será decidida nas penalidades. Para o título do tricolor, é necessário vencer com vantagem de dois gols.

Mas, afora o placar do jogo de ida, o que se viu nos últimos dois clássicos foi o equilíbrio crescente. “Nas conversas de todos, na imaginação de todos, a diferença seria muito maior em relação a resultado e performance. O que mostra que conseguimos resultado e performance”, diz Odair Hellmann.

No domingo, o Flu foi melhor na maior parte do tempo. Só não refletiu a superioridade no placar por conta de falhas na defesa. Para não repetir os erros, o treinador deve ter o retorno de Nino na zaga, no lugar de Digão. O titular foi baixa no jogo de ida porque voltava de lesão.

O meio-campo deve ser o mesmo do domingo, com Dodi, Hudson e Yago Felipe, um dos destaques daquela partida. Nenê segue entre os titulares. No ataque, Fred continua fora, após cirurgia no olho.

Do outro lado, o Flamengo terá ao menos uma baixa: Gabriel. Foi a expulsão do atacante, nos instantes finais da partida, e a atuação aquém do esperado que abafaram a euforia do time ao fim da vitória de domingo. Para o lugar do artilheiro, Jorge Jesus deve escalar Pedro, formando dupla desta vez com Bruno Henrique, poupado no fim de semana.

No meio-campo, Everton Ribeiro e Gerson devem voltar a ser titulares após começarem no banco no domingo. A ausência da dupla reduziu o poder de fogo do setor ofensivo rubro-negro e permitiu ao Flu surpreender no jogo de ida. Na defesa, Léo Pereira deve retomar o posto de titular, em substituição a Gustavo Henrique, abaixo do esperado no domingo.

A preocupação maior do clube está no banco de reservas. Parte do foco do time foi desviado para os rumores sobre uma possível saída de Jorge Jesus ao fim do Estadual, após investidas do Benfica. “A gente torce muito para contar com ele por muito tempo”, disse Arrascaeta. “O ambiente aqui nos treinos é muito bom. A gente torce para que ele continue conosco.”

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ 10 coisas que os pais fazem em público que envergonham os filhos
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Veja os carros mais vendidos em outubro
+ Baleia jubarte quase engole duas mulheres em caiaque; veja o vídeo
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel