Geral

Mãe de Isabella Nardoni aponta semelhanças entre a morte da filha e a do menino Henry

Crédito: Reprodução/Instagram

Ana Carolina Oliveira, mãe de Isabella Nardoni, conversou com a revista Piauí sobre como o crime contra o jovem Henry Borel, que foi morto supostamente após sessões de espancamentos de seu padrasto, o vereador Dr. Jairinho, a lembrou sobre a sua experiência traumática com a morte da filha.

Isabella foi morta pelo pai, Alexandre Nardoni, e pela madrasta, Anna Carolina Jatobá, em 2008, quando tinha apenas cinco anos.

Durante a entrevista, Ana Carolina afirmou que ao assistir na TV a uma entrevista da mãe de Henry, Monique Medeiros, que também é investigada, sentiu emoção falsa e versão combinada dos fatos. “Senti algo muito estranho…. Naquele momento, pensei o pior mesmo e vi semelhanças com o ocorrido com a minha filha, Isabella. Por mais que as pessoas ensaiem, criando uma versão falsa para o crime, a verdade não consegue ser escondida nem por elas mesmas”, disse.

A mãe da jovem Nardoni contou que ficou muito tocada pelo nível de brutalidade e “pelas coincidências” com o inferno que viveu pessoalmente. Por isso, ela decidiu mandar uma mensagem de conforto ao pai de Henry, Leniel Borel, via WhatssApp. “Meu coração estava pedindo pra fazer isso”, relatou.

“Sabe o que é mais dolorido? Eu e Leniel entregamos os nossos filhos para quem deveria cuidar e zelar. Entregar um filho para nunca mais voltar é o que mais machuca, revolta”, revelou. “As dores não são comparáveis. Mas elas são enormes, imensuráveis”, comentou Ana.


+ Mãe conta à polícia que ateou fogo e matou bebê por ‘vergonha’ de ter a gravidez descoberta
+ Após ameaças, soldada da PM denuncia coronel por assédio sexual
+ Youtuber é perseguido por jacaré de três metros: veja vídeo



Para Ana Carolina, a Justiça (quando feita) conforta o coração de alguma forma. O julgamento e a condenação encerram um ciclo, colocam um ponto final em uma história muito triste. No meu caso, entre o assassinato da minha filha e a condenação, passaram-se dois anos”, explicou.

No fim da entrevista, a mãe de Isabella contou que recebeu uma resposta de Leniel que agredeceu pelas palavras neste momento. “Está sendo muito difícil. Não paro de pensar no meu filho. Além do meu filho, eles levaram a minha paz”, dizia parte do conteúdo respondido pelo pai de Henry.

Veja também

+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tenha também a Istoé no Google Notícias
+ Canadá anuncia primeira morte de pessoa vacinada com AstraZeneca no país
+ Yasmin Brunet comemora vitória de Gabriel Medina
+ Decifrado código dos Manuscritos do Mar Morto
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Receita de moqueca de peixe simples e deliciosa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS