Esportes

Mãe de Guardiola morre por coronavírus na Espanha

ROMA, 06 ABR (ANSA) – O Manchester City informou nesta segunda-feira (6) que Dolors Sala Carrió, a mãe do técnico Pep Guardiola, morreu em decorrência do novo coronavírus. Ela tinha 82 anos de idade.   

“A família Manchester City está arrasada ao relatar a morte de Dolors Sala Carrió, mãe de Pep, em Manresa, Barcelona, depois de contrair o coronavírus. Todo mundo associado ao clube envia sua mais sincera condolência neste momento mais angustiante para Pep, sua família e todos os seus amigos”, disse o time britânico em um comunicado.   

A morte de Dolors acontece pouco tempo depois de Guardiola ter doado um milhão de euros para a Fundação Àngel Soler Daniel, que luta contra o coronavírus.   

Na biografia de Guardiola, chamada “La meva gente, el meu futbol”, o espanhol descreveu sua mãe como uma pessoa reservada.   

Dolors era casada com Valetí e tinha mais duas filhas (Olga e Francesca) e um filho (Pere).   

Segundo dados da Universidade Johns Hopkins, a Espanha é o segundo país mais afetado pela doença, com 135.032 casos confirmados, atrás somente dos Estados Unidos, que soma 337.971.   

O país europeu já contabiliza pouco mais de 13 mil mortes em decorrência da doença.(ANSA)