ISTOÉ Gente

Luiz Bacci e Record TV terão que pagar R$ 50 mil por falsa acusação de assassinato

Crédito: Reprodução/Instagram

Luiz Bacci e a Record TV foram condenados e terão que pagar R$ 50 mil a um homem que foi acusado em uma reportagem do ‘Cidade Alerta’ de abusar sexualmente e depois assassinar a enteada.

Após a exibição da matéria, ficou comprovado que a criança morreu por causa de uma infecção pulmonar.

Segundo o Uol, a decisão da indenização veio da 4ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo, que manteve, por unanimidade, a condenação original da juíza Melissa Bertolucci.

A relatora do caso apontou que a Record e o apresentador excederam o direito à liberdade de informação ao se referir ao autor como “monstro cruel”.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ 10 coisas que os pais fazem em público que envergonham os filhos
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Veja os carros mais vendidos em outubro
+ Baleia jubarte quase engole duas mulheres em caiaque; veja o vídeo
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel