Esportes

Lucas França e Henrique não estão nos planos do Cruzeiro para 2022

O goleiro terá seu contrato rescindindo  e o volante negocia um acordo com o clube, pois ainda tem pendências a receber 

Lucas França e Henrique não estão nos planos do Cruzeiro para 2022

O Cruzeiro segue no seu processo de mudanças no elenco profissional. Mais dois jogadores da Raposa, o volante Henrique e o goleiro Lucas França, estão de saída do clube.


Lucas, de 26 anos, terá seu contrato rescindido, pois com a chegada de Rafael Cabral e Gabriel Brazão, que ainda não foi anunciado, ele não estará os planos do técnico Paulo Pezzolano. O jogador tem contrato até o fim de 2023.

Já o caso de Henrique é mais complexo. Pedro Martins, diretor de futebol da Raposa, revelou que o contrato do volante não foi repassado para a SAF. Logo, o jogador ainda está ligado à gestão da associação, a cargo de Sérgio Santos Rodrigues.

– O Henrique também está naquele caso de análise da associação. O contrato dele não foi repassado para a SAF. Então, toda a equipe jurídica da associação está debatendo com os agentes e todas as pessoas responsáveis pela carreira para que tomem a melhor decisão para que o processo de associação seja tranquilo.

Henrique não seguirá no clube, mas ele terá de ter seu vínculo ampliado, pois ainda está tratando de uma lesão no joelho direito.

O clube propôs três meses de contrato para que Henrique se recupere completamente da lesão. O volante quer um vínculo, pelo menos, de um ano, para também poder entrar em campo.

O aspecto financeiro também está sendo discutido, pois o meio de campo aceitou reduzir o salário, mas quer um contrato de ano, já que pretende voltar aos gramados. O acordo deve demorar a ocorrer, pois o Cruzeiro tem dívida milionária com o jogador, referentes a repactuações salariais e pagamentos em atraso.

Henrique está na terceira passagem pelo Cruzeiro, depois de voltar do empréstimo do Fluminense. O volante soma mais de 500 jogos pelo clube.