Esportes

Levir Culpi critica arbitragem e vê empate ‘injusto’ no Beira-Rio

Apesar de estar duas vezes na frente no placar, o Fluminense empatou com o Internacional, por 2 a 2, no Beira-Rio, no domingo. Pelas circunstâncias do jogo, o resultado não foi bem aceito pelos jogadores do time carioca e também pelo técnico Levir Culpi. Para ele, o Flu merecia ter vencido, mesmo reconhecendo que houve “um certo equilíbrio dentro de campo”. O treinador reclamou muito de um gol marcado por Gum e anulado pela arbitragem no primeiro tempo, quando seu time já vencia por 1 a 0.

“Nós fizemos três gols, mas só valeram dois. Um lance como este pode mudar toda a história de um jogo. Desta vez o juiz interferiu diretamente no resultado, por isso achei o resultado injusto. Mas vamos considerar isso como um erro de jogo”, afirmou Levi, lembrando do lance em que Gum cabeceou em posição legal.

O conforto foi saber da situação delicada do time gaúcho, que atingiu a marca de 11 rodadas sem vitórias. “Nós sabemos da força e da tradição do Internacional e sabemos que é difícil jogar quando está sob pressão. Mas nós temos que pensar na gente”, completou.

Fazendo uma avaliação do seu trabalho à frente do Flu neste primeiro turno do Brasileirão, Levir Culpi vê um saldo positivo, em razão dos 25 pontos da equipe, no 10º lugar da tabela.

“O Fluminense está na frente da maioria dos seus adversários porque mantém uma mesma formação. Em outros clubes chega um craque e ele precisa ser escalado logo em seguida. Os que saem derrubam o conjunto da equipe. É a cultura que vivemos dentro do futebol brasileiro. Uma derrota forma um clima de pressão capaz de derrubar técnico, jogador e até presidente. Esta cultura nivela a força dos clubes, a ponto de o lanterna América-MG vencer o Santos que está brigando pela liderança”, explicou, ao citar o resultado surpreendente, na manhã de domingo.

Levir aposta no crescimento da equipe carioca no segundo turno. “Nos últimos jogos nós chutamos a gol de 10 a 15 vezes por jogo e as bolas estão entrando mais. A tendência é de crescimento”, afirmou o técnico. O Fluminense começa o returno diante do América, no próximo domingo, às 11 horas, em Cariacica (ES).