Esportes

Léo Baptistão muda de posição e vira destaque no Santos sob o comando de Bustos

Destaque do Santos, Léo Baptistão vive um de seus melhores momentos da carreira sob o comando de Fabián Bustos nessa temporada. Recuperado de lesão, o atacante soma dois gols e duas assistências nas últimas quatro partidas nesse início de Campeonato Brasileiro e celebra boa fase.

+ ‘Não é prostituição’, diz ex-Playboy Viviane Bordin sobre venda de nudes
+ FGTS tem 2 saques de R$ 1.000 esta semana: amanhã (11) e sábado (14); veja quem recebe
+ Baleias evoluíram em três fases rápidas, revela estudo


O atacante chegou ao Santos em 2021, atuando como referência no ataque. Em oito jogos disputados antes de sofrer uma lesão na panturrilha não marcou nenhum gol. Com a chegada de Bustos e sua plena recuperação física, ele vive o seu melhor momento no futebol brasileiro.

Passando a atuar como um segundo atacante, ele joga mais recuado e abri espaço para Marcos Leonardo desempenhar o papel de centroavante da equipe. Com liberdade para atuar nas pontas, Baptistão também se tornou um jogador criativo, capaz de gerar jogadas distante da área.

Nessa temporada, em todas as competições, já disputou 13 jogos, com quatro gols e duas assistências. Além disso, se tornou titular absoluto da equipe, ao lado de Marcos Leonardo, e é um dos destaques da campanha do Santos até aqui no Campeonato Brasileiro.

“Tenho que parabenizar não só a mim, mas o Santos, que vem evoluindo. Meu último discurso foi que a gente sabia o que tinha que melhorar e melhoramos. Temos que continuar trabalhando, crescendo. O Fabián Bustos sempre fala para não me conformar com o que eu estou fazendo e buscar mais. Então estou muito feliz de poder ajudar”, afirmou o atacante após vitória sobre o Cuiabá, por 4 a 1. Na ocasião, Baptistão marcou um belo gol e contribuiu com a goleada santista na Vila Belmiro.

Revelado na Portuguesa Santista, o atacante deixou o País com apenas 16 anos rumo ao Rayo Vallecano, da Espanha. Desde estão, teve passagens pelo Atlético de Madrid, Betis e Espanyol, até ir para o futebol chinês. No Wuhan Zall, o jogador chamou a atenção do Santos, que o contratou em definitivo até 2023.