Tecnologia & Meio ambiente

Leilão de dinossauro T-Rex em NY pode alcançar US$ 8 milhões

Leilão de dinossauro T-Rex em NY pode alcançar US$ 8 milhões

O T-Rex Stan em Nova York - AFP

Um dos espécimes de T-Rex mais completos do mundo será leiloado pela Christie’s em 6 de outubro, em Nova York, e pode quebrar o recorde absoluto de sua categoria.

+ Mourão, sobre ser vice de Bolsonaro em 2022: ‘Estou trabalhando para isso’

Stan, um digno representante da espécie rainha dos dinossauros que fascina o mundo inteiro, pesava de sete a oito toneladas quando viveu há 67 milhões de anos. Tinha quatro metros de altura e 12 metros de largura.

Foi descoberto em 1987 perto de Buffalo, no estado americano da Dakota do Sul.

Paleontólogos do Instituto de Pesquisa Black Hills, na Dakota do Sul, trabalharam mais de 30.000 horas para desenterrar e recompor seu esqueleto, que possui 188 ossos.

Seus restos foram usados para fazer moldes de gesso para dezenas de museus no mundo que desejavam adquirir uma cópia deste excepcional Tyrannosaurus rex. O animal morreu aproximadamente aos 20 anos, segundo estimativas dos pesquisadores.

Após uma viagem para o Japão, Stan foi exposto no museu do Instituto Black Hills desde 1996.

A venda ocorre após um desacordo entre os administradores do instituto, explicou James Hyslop, responsável pelo Departamento de Instrumentos Científicos, Globos e História Natural na Christie’s, em Londres.

A lei autoriza a venda quando o espécime é descoberto em um terreno privado, o que foi o caso de Stan.

O preço de venda estimado do esqueleto fossilizado é de seis a oito milhões de dólares, o que o coloca junto ao recorde absoluto, estabelecido por Sue, outro T-Rex vendido em outubro de 1997 na Sotheby’s, por 8,4 milhões de dólares, ao Museu de História Natural de Chicago.

Apenas cerca de 50 T-Rex foram encontrados após a descoberta do primeiro, em 1902.

“Não há muitos esqueletos completos”, disse Hyslop. “As ocasiões de comprar um T-Rex tão completo acontecem apenas uma vez por geração”, acrescentou.

A Christie’s espera que haja um forte interesse de colecionadores estrangeiros. “Seria a obra-prima de qualquer museu de história natural”, destacou Hyslop.

“O T-Rex tem um status de ícone”, afirmou, o que é refletido em seu preço. “É o dinossauro que atrai multidões”.

Stan será exposto em uma das vitrines da sede da Christie’s em Nova York, no coração de Manhattan, desde esta quarta-feira até 21 de outubro.

Como a cabeça é muito pesada, foi colocada uma réplica no esqueleto. A verdadeira cabeça será exposta ao lado.

Veja também

+ RJ: tráfico promete caçar quem gravou equipe do Bravo da Rocinha: ‘Vai morrer’

+ Hubble mostra nova imagem de Júpiter e sua lua Europa

+ Após morte de cachorro, Gabriela Pugliesi adota nova cadela

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ MasterChef: mesmo desempregado, campeão decide doar prêmio

+ Arqueólogo leva 36 anos para montar maquete precisa da Roma Antiga

+ Senado aprova alterações no Código de Trânsito Brasileiro

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ O que é pior para o seu corpo: açúcar ou sal?

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea