Kátia Abreu: Falta senso de responsabilidade a Bolsonaro

Crédito: EVARISTO SA

“O presidente não precisa ter postura de santo, mas também não precisa ser o demônio” (Crédito: EVARISTO SA)

Em live à ISTOÉ, a senadora Kátia Abreu criticou a postura de Bolsonaro durante a pandemia. Disse que faltou-lhe senso de responsabilidade por não ter coordenado adequadamente a ação do governo junto aos Estados.

+ SP deve receber cinco milhões de doses de vacina chinesa em outubro, diz Doria

Condenou, ainda, a política de controle ao desmatamento e queimadas na Amazônia: “elas prejudicaram a imagem do agronegócio no exterior”.

Só poupou a ministra Tereza Cristina, sua sucessora na pasta da Agricultura: “ela não se meteu a ser bolsominion”.

Veja também

+ Após foto “com volume” ser derrubada no Instagram, Zé Neto republica imagem usando bermuda

+ Jovem é suspeita de matar namorado com agulha de narguilé durante briga por pastel

+ Baleia jubarte consegue escapar de rio cheio de crocodilos na Austrália

+ MasterChef: mesmo desempregado, campeão decide doar prêmio

+ Morre mãe de Toni Garrido: “Descanse, minha rainha Tereza”

+ Após morte de cachorro, Gabriela Pugliesi adota nova cadela

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arqueólogo leva 36 anos para montar maquete precisa da Roma Antiga

+ Senado aprova alterações no Código de Trânsito Brasileiro

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ O que é pior para o seu corpo: açúcar ou sal?

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea


Mais posts

Ver mais

Copyright © 2020 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.