Geral

Justiça penhora R$ 213 mil em bens pessoais de fundador da Ricardo Eletro

Crédito: Reprodução

A Justiça de São Paulo penhorou alguns bens pessoais do empresário Ricardo Nunes, fundador da rede varejista Ricardo Eletro. De acordo com reportagem da coluna de Rogério Gentile, do UOL, um dos objetos foi um piano de cauda da marca Yamaha avaliado em R$ 180 mil.

No mês passado, um oficial de Justiça esteve na casa do empresário, no Jardim Europa, em São Paulo. Além do instrumento musical, foram penhorados um televisor de 75 polegadas, três aparelhos de ar-condicionado, duas estátuas de decoração, dois quadros e um móvel de madeira rústica.

O total dos objetivos somou um valor de R$ 213 mil. Nunes é alvo de um processo aberto pela Rede Globo, que cobra uma dívida R$ 61,2 milhões da empresa.

A penhora dos bens dele foi determinada por conta da necessidade de se pagar os honorários dos advogados da emissora. No entanto, Nunes ainda pode recorrer da decisão.


Saiba mais
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais