Mundo

Justiça condena faxineira que alegou ‘pegadinha’ ao envenenar café da chefe

Crédito: Pixabay

Aurora Iacomi, de 32 anos, foi condenada a 10 meses de prisão em Londres, na Inglaterra, por misturar substância no café da chefe.

Em sua defesa, a faxineira disse que o ato não passou de uma espécie de ‘pegadinha’, conforme apuração da BBC.

Após uma briga, Aurora serviu a bebida adulterada para Angelina Raychinova. A funcionária revelou que se sentiu “humilhada” por conta da bronca recebida. No entanto, ela contou que a intenção era apenas deixar a superior irritada.

A justificativa apontada pela faxineira foi entendida de forma diferente para o juiz Benedict Kelleher. O magistrado alegou que a atitude de Iacomi foi motivada por vingança e sem o real entendimento do que poderia acontecer.

“Ela tomou um gole da garrafa de café, imediatamente sentiu uma sensação de queimação nos lábios e cuspiu o conteúdo”, disse o promotor Philip Allman.

O promotor completou ainda dizendo que Aurora misturou um produto de limpeza com o café para chefe.

Durante a investigação, a polícia analisou as imagens das câmeras de seguranças, o armário da funcionária, além da garrafa na qual estava o café servido para sua chefe.

Veja também

+ Grave acidente do “Cake Boss” é tema de reportagem especial

+ Pudim japonês não tem leite condensado; aprenda a fazer

+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"

+ MG: Pastor é preso por crime sexual e alega que caiu em tentação

+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por desconto de até 50% na parcela

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

+ Raro fenômeno da lua azul ocorrerá durante o Halloween, saiba o significado

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Mulher sobe de salto alto montanha de 4 mil metros

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago